Um crime de homicídio foi registrado na manhã de sábado 25 de março de 2017, na Rua Venceslau Brás ao lado a Igreja São José no bairro Paredões, em Mossoró, Rio Grande do Norte.

ImagemSilvio Ney Filgueira da Silva, 49 anos de idade, foi surpreendido na calçada de casa, na Rua Rodrigues Alves, por dois criminosos que chegaram ao local de motocicleta. Ele foi alvejado na mão com um disparo, correu tentando se livrar dos assassinos, mas foi perseguido e morto a poucos metros de casa, na Rua Wenceslau Bras.

A perícia criminal identificou cinco perfurações provocadas por disparos de pistola 380, sendo uma na mão, duas nas costas e duas no rosto.

A polícia recebeu informações que Silvio, era acusado e respondeu na Justiça por um crime de homicídio, em julho de 2015. Ele teria matado a tiros, Renaldo da Silva Júnior, “Juninho Maranhense” de 17 anos de idade, na calçada da Cisne Pneus, na Rua Prudente de Morais.

Policiais da Viatura do Ronda Cidadã, que atenderam a ocorrência, fizeram o isolamento do local para os procedimentos das equipes de plantão, no Itep e na Delegacia de Plantão.

O Câmera

SEM COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta